A procura do candidato perfeito.

Votar é procurar agulha no palheiro. Por mais que se procure, às vezes, tenho a impressão que não existe agulha alguma...
Enquete no ar no blog de Políbio Braga:
Você acha, como quer Raul Pont e o PT, que o PMDB do RS deve apoiar Dilma ?
( )Sim, claro. É decisão nacional. Tem que respeitar.
( )Não. O PMDB do RS tem personalidade própria.
Eis o porquê não tenho, nunca tive e não voto em partido.
Onde está a ideologia? As convicções?
Entendo e não questiono as coligações pois são, acima de tudo, necessárias. Mas o Brasil extrapola e deixa o eleitor simplesmente sem rumo.
O antagonismo que se vê até mesmo dentro dos estados são absurdos e me fazem crer que unicamente o que importa é o PODER de qualquer forma.
Jamais deixo de votar, o faço sempre mas, me recuso a seguir uma linha partidária. Até porque não teria como acompanhar o processo todo diante de tantas mudanças de credo e pensamentos.
Voto sim, no indivíduo, buscando de forma incessante alguém coerente, reto e polido sem ser radical. Aberto a mudanças e que tenha como propósito prioritário EDUCAÇÃO a todos de qualidade e que não fale isso só da boca pra fora - nessa época é incrível como os dircursos são parecidos. Tão parecidos que enganam...
Até agora, só me enganei.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fim de Octo

O primeiro mês do ano

Ontem (2016)