Segue a questão: Chegou mesmo 2010?

Essa é a pergunta que não quer calar. Quando inicia um ano, anuncia-se a boa nova e projeções positivas. Não é o que está acontecendo...
Poderia perfeitamente reeditar a opinião abaixo que redigi no dia 6 e saiu publicada no Correio do Povo do dia 8. Indagava sobre os acontecimentos dos primeiros dias do ano, e, principalmente, nossa contribuição, ou não, em tanta catástrofe.
O pior estava por vir. Nada superaria o que reservava os dias seguintes: a Catástrofe no Haiti.
As imagens que vem de lá são tristes e nos preparemos para mais e mais cenas que serão trazidas por inúmeros profissionais de mídia e voluntários que estão indo para lá.
O nos resta? Rezar, preservar e valorizar o que temos e ainda sermos solidários com tudo e com todos.
Que as ações do mundo que se multiplicarão para reerguer Haiti motivem-nos a repensar o nosso planeta tornando o mundo um pouco mais ameno e deixando vir, enfim, 2010 que teima em não chegar.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fim de Octo

O primeiro mês do ano

Ontem (2016)