Casa Bahia

Tudo que sobe, desce!
O fechamento das últimas lojas no Rio Grande do Sul leia+ confirma uma tese que tenho: todo crescimento desenfreado, ascensão e muita oferta havemos de desconfiar. Lembro aqui das Lojas Arapuã que de uma hora pra outra passou a vender em 24, 36 vezes, crescia e era invejada pelos concorrentes até que...faliu.
Aqui e ali sabíamos de que a empresa é, entre as tantas que suga o empregado a exaustão com uma política do bastantão, crédito a perder de vista e pouca ou nenhuma preocupação pós-venda.
Pode não ser o comportamento no restante do país, pois algum mérito haverá de ter. Mas o povo gaúcho pode parecer bobo mas não é. Metas inatingíveis, pressão acima do normal, típico do capitalismo desenfreado arrebenta sempre do lado mais fraco. A empresa vai embora, fica rolando dívidas na justiça e centenas de pessoas que dependiam desse salário passarão por um sufoco até se reesguerem novamente.
Ainda bem que, economicamente nosso Estado não está dos piores, existem alternativas e as perspectivas são otimistas. Cabe saber se essa gente vai se ligar e aproveitar esse tempo ocioso para se qualificar.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fim de Octo

O primeiro mês do ano

Ontem (2016)