Senado


O mau exemplo do Senado impõe ao eleitor uma única saída: votar conscientemente.
Esse repugnante caso dos diretores que, estranhamente, ninguém sabia da quantidade revolta a todos. É uma farra essa república e a capacidade de absurdos aumenta a cada descoberta.

-Meu Deus!
-Quantos mais virão à tona?
-Saberemos em breve, assim que um deles se sentir prejudicado ou não receber a sua parte.

Ano que vem tem eleições e é nosso dever nos inteirarmos do cenário justamente para mudar esse quadro que está.
A arma, solução e mudança estão em nossas mãos. Precisamos urgentemente aprender a votar e mais do que isso, acompanhar aquele a quem damos nosso crédito.
E isso é o bom da democracia: podemos escolher!
Um dos grandes cuidados que devemos observar também é o de não cairmos no conto do vigário, das palavras bonitas e vinhetas bem elaboras.
Cabe a nós, investigarmos o passado, presente, e principalmente, as intenções para o futuro.

Votar!
Esse - na minha opinião - é o ato que pode salvar o Brasil.


PS: Cuidado! Vejam só a nota que garimpei:
O ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares entregou na quarta-feira ao presidente do partido, Ricardo Berzoini, um pedido formal de refiliação. No documento, Delúbio afirma que seu coração é petista e que merece uma segunda chance. (leia+)
Será que merece?



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fim de Octo

O primeiro mês do ano

Ontem (2016)