Semana da Pátria

Cantar o hino nacional, inflar o peito de orgulho e dizer: -Viva o Brasil!
O que era para ser alegria, perdeu o sentido. Hoje, o hino é cantado nas escolas mais como um protocolo do que amor pátria.
Sou do tempo da Moral e Cívica, OSPB e tínhamos sim que ter respeito a bandeira, e tudo mais. Muitos achavam aquilo tudo uma lavagem cerebral, eu também entrei nessa, hoje, vejo que se ainda acredito no Brasil, é graças ao que aprendi no passado.
É possível entender um pouco o que acontece com o nosso Brasil, vejamos:
*nossos jornais dão imenso destaque as eleições americanas como que se fosse de extrema importância saber que McCain supera Obama em audiência, mas não nas pesquisas, por exemplo;
*nosso presidente, ao invés de apoiar a seleção brasileira, exalta os argentinos;
*e as intermináveis falcatruas e maracutaias que surgem a cada edição da revista Veja? É por amor ao Brasil?
Falta patriotismo!
Perdemos aquilo que tantos países tem de defender sua pátria, exaltar, vestir as cores de sua bandeira. Hoje é comum estarmos mais identificados com o clube que torcemos ou com nosso Estado do que com o país...
Ah eu sou gaúcho!
Ah eu sou colorado!
Está em nós e precisamos urgentemente mudar esse cenário, pelo nosso bem e, principalmente, pelo bem de nossos filhos...



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fim de Octo

O primeiro mês do ano

Ontem (2016)