O fantástico mundo dos candidatos*


No próximo pleito, sugiro:
Dêem aos candidatos um ano para gerir o município. Seriam uma espécie de trainee de prefeito. Após esse período, os eleitores então, escolheriam qual seria seu representante nos quatro anos seguintes.
O papel e a câmera de tevê aceitam tudo.
Assisto ao horário político e sinceramente, não sei de que município estão falando.
A situação fez tudo certo: a saúde vai bem, segurança, ok! Mas, precisa dar sequência ao projeto.
A oposição como o nome já diz, garante estar tudo errado e tem a "receita infalível" para o rumo certo.
E prometem:
-Vamos cobrar o que nos devem!
-Vou fazer isso e aquilo!
-Não vou aceitar calote do governo federal!
-Vou contratar e demitir!
E tantas outras babozeiras...numa facilidade incrível.
O eleitor é feito de bobo de 2 em 2 anos.
Dêem então a esses picaretas um ano de test-drive. Pelo menos nesse período, tenho certeza que farão muito mais do que em quatro, tudo pelo poder!
*Este artigo foi resumidamente publicado na edição de hoje do jornal Correio do Povo sob o título Trainee. Pág 4 coluna Do leitor.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fim de Octo

O primeiro mês do ano

Ontem (2016)