Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2008

Autenticidade na política

Aos 78 anos, o senador Pedro Simon (PMDB-RS) é um político em extinção. Um dos últimos "autênticos" do PMDB, partido que ajudou a fundar, Simon, nos últimos dez anos, já fez voto de pobreza, distribuiu bens entre amigos e familiares e percorreu durante seis dias os 136 quilômetros entre Fortaleza e Canindé, no sertão cearense, numa peregrinação ao lado de 500 andarilhos devotos de São Francisco, como ele. Não bastassem esses atos de desapego aos bens terrenos, o senador gaúcho recusou convite para integrar o primeiro escalão do governo Luiz Inácio Lula da Silva, atitude considerada inimaginável para a maioria dos parlamentares, cada dia mais sôfregos por cargos, verbas e pelas benesses e mordomias do poder. Conhecido no Senado pela retórica inflamada e pelos gestos teatrais, o tribuno Simon não costuma poupar ninguém em seus discursos em defesa da ética. Muitas vezes, porém, o senador investe contra moinhos de vento e essa postura quixotesca tem contribuído para o seu isolam…

Anote e cobre:

Tarso promete grande redução nos homicídios em seis anos Em entrevista à Agência EFE, o ministro da Justiça, Tarso Genro, afirmou nesta quinta-feira que pretende reduzir grandemente, em um prazo de quatro a seis anos, os altos índices de criminalidade no Brasil. O petista gaúcho fala até em igualar as taxas do Chile – o país menos violento da América Latina. Ele apontou que fará isso com o "rompimento do pacto perverso que existe na sociedade brasileira", referindo-se ao uso de crianças e jovens mais pobres no tráfico de drogas às classes ricas consumidoras. Tarso está em "visita de trabalho" à Espanha. fonte: diegocasagrande.com.br ♦ Vamos combinar assim: Nós, fingimos que acreditamos e ele finge que cumpre...

Um novo jeito de dirigir

O rigor da lei sancionada contra motoristas alcoolizados é um sopro de bom senso. Gol a favor da vida. Dos maus motoristas. Gol a favor da paz. De seus familiares. Muito ainda se vai discutir sobre o assunto. Afinal, é uma mudança na cultura do povo brasileiro. Quem não conhece alguém, familiar ou amigo, que não tenha pego o volante depois de uma ou várias "latinhas" de cerveja? - "Estou legal!", -"Não dá nada!" ou -"Tomo um refri que passa!", sustentam. Infelizmente, muitas opiniões contrárias a lei estão sendo ventiladas por aí causando um descontentamento àqueles que vêem, como eu, essa medida necessária já há muito tempo. É lógico, há casos e casos, existem bons argumentos que podem sugerir um excesso na punição prevista mas, no balanço geral da situação, uma vez que, não dá para individualizar a lei, é dessa forma, rígida e doendo no bolso que o comportamento do motorista brasileiro irá mudar. Eu acredito sinceramente que em pouco tempo as coi…

O vice que poderia dar certo...será?

Gostei muito da entrevista do vice-governador do Rio Grande do Sul, Paulo Afonso Girardi Feijó concedida a TVcom ontem à noite. Idéias liberais, transparência e coerência política. Como empresário que é, trata o cidadão como cliente e como tal tem, pelo menos manifestada, a intenção de encantá-lo. Perguntado se teria intenção de futuramente se aventurar a algum cargo político, desconversou não dizendo nem que sim, nem que não. Dada a sua popularidade extremamente favorável uma vez que está contribuindo para exposição do sistema, com todas suas mazelas, seria muito interessante vê-lo como número um. Segundo ele, é possível sim, fazer governo sem conxavos, acordãos ou maracutaias partidárias. É sem dúvida, uma espécie em extinção no meio, se é verdade o que diz, eu sinceramente não sei, mas para quem apostou já no Collor, no Lula ou deixou o PT tanto tempo no RS, o que impede de tentar Feijó e ver no que dá. Este é sem dúvida, um lampejo de moralidade, única alternativa, no momento que valer…

Assédio moral

Vítimas já são 40%
Exemplos: * Sobrecarregar o funcionário de trabalho. * Ameaçar constantemente o trabalhador de demissão, transferência ou rebaixamento. * Falar aos gritos, de forma a intimidar as pessoas. * Marcar o número de vezes e contar o tempo que o funcionário vai ao banheiro. * Submeter a tarefas humilhantes frente aos colegas. * Fazer brincadeiras frequentes e de mau gosto referentes ao sexo, raça, opção sexual ou religiosa, deficiência física, problemas de saúde, etc. * Ignorar a presença do funcionário não lhe dirigindo a palavra, falando apenas com os demais. * Criticar a aparência pessoal do trabalhador. * Espalhar boatos e fofocas sobre um integrante da equipe. * Sobrecarregar o funcionário de novas tarefas, ameaçando em caso de não cumprimento. * Impedir o crescimento do profissional dentro da empresa. * Questionar a validade de atestados médicos apresentados. * Sugerir que peça demissão. Alguns sintomas do assédio moral na saúde: * Crises de choro, dores generalizadas e falta de ar. …

CPMF, de novo!

CSS vai aumentar preços ao consumidor em 0,5%, aponta IBPT Como se não bastasse a ameaça real de estouro da inflação, a base governista pode dar mais uma "mãozinha" para acordar o 'dragão'. De acordo com estimativa preliminar do Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário (IBPT), a CSS (Contribuição Social para a Saúde), deve ter um impacto sobre o preço final dos produtos de mais 0,5%. De acordo com o presidente do IBPT, Gilberto Luiz do Amaral, o efeito do novo tributo é praticamente igual à extinta CPMF – que provocava um aumento de 1,7% nos artigos comprados pelo consumidor, como "foi mostrado por estudos ao longo dos anos". Amaral ainda rebateu as declarações do presidente Lula, de que o fim do chamado "imposto do cheque" não tinha resultado em nenhuma diminuição de preço. "Não há como fazer a sustentação científica de que o fim da CPMF reduziu os preços, como também não dá para dizer que não houve repasse (dessa diminuição de custo pe…

Ética, moral e outras "antiguidades".

Desde que venham à tona falcatruas e pilantragens de quem quer que seja, pouco me importa a forma da obtenção das provas. Na vida, ou voçê é ético/verdadeiro/correto ou não é.

A crise no Rio Grande do Sul ganhou o país e durante a semana, na mesma proporção em que se discutia o conteúdo das gravações do vice-governador, a legitimidade da origem da mesma foi amplamente questionada. Não vou aqui me deter sobre a postura de Paulo Feijó, acho que não vem ao caso, tampouco quero inocentá-lo de alguma coisa, mas sinceramente, uma vez em que foram expostas verdades outrora negadas pelos envolvidos, não é o que vale? Levantamento realizado pelo instituto Fato de Pesquisa Social e Mercadológica aponta que nada menos que 61,8% apóiam Feijó, contra 23,9% que desaprovam o procedimento. Foi considerado legítimo por 59,6% dos consultados o fato do vice ter gravado o diálogo sem o conhecimento do interlocutor. Por outro lado, 33,3% avaliaram como antiética a postura do Democrata. Foram ouvidos 821 entre…

Implodam nossos políticos!

Uma árvore nasce torta e não conseguimos endireitá-la a tempo, ela continua crescendo torta até incomodar o terreno vizinho, a fiação elétrica ou invadir a rua. Nesse momento, a única solução é cortá-la, pela raíz, e semear outra.
Um prédio condenado pondo em risco vidas não tem outro jeito se não a implosão para contruir um novo.

Implondam nossos políticos!

O escândalo vivido pelo Rio Grande do Sul deflagou uma situação no mínimo vexatória do sistema político brasileiro. Quando penso que tudo foi dito ou descoberto, eis que surge um novo episódio, com requintes mais degradantes do que o anterior. Nesse momento em que estou escrevendo ou que o amigo(a) está lendo esse texto, por exemplo, pode estar sendo divulgado uma gravação comprometedora, uma entrevista coletiva bombástica ou alguma falcatrua vindo à tona.

A revelação exposta na voz de Busatto, só para ficar nesse exemplo, mostra como está sendo feita a política no Brasil. Não que seja de todo novidade, muita coisa já se desconfiava m…

Voto único.

No Piauí, vereadora que teve apenas 1 voto toma posse

Foi empossada pela Câmara de Vereadores do município de Pau D' Arco do Piauí a vereadora Carmem Lúcia Portela Santos (PSB). Nas eleições de 2004, ela recebeu apenas um voto – e acabou herdando uma vaga após o Tribunal Regional Eleitoral do Piauí (TRE-PI) cassar o mandato de Miguel Abreu do Nascimento por infidelidade partidária. O suplente seria Reginaldo Sousa Santos, que morreu em um acidente de carro no último mês de abril. "Isso é muito ruim. Infelizmente, temos que seguir a resolução do TSE e ninguém poder fazer nada. A resolução diz que temos que empossar", afirmou o presidente da Câmara da cidade, Josenildo de Sousa Rodrigues Bacelar (PT). "As pessoas até brincam aqui na cidade e dizem que nem ela votou nela mesmo." fonte: diegocasagrande.com.br

Redução da jornada de trabalho

Sindicalistas entregam abaixo-assinado com mais de 1 milhão de assinaturas.

Representantes das centrais sindicais entregaram ao presidente da Câmara dos Deputados, Arlindo Chinaglia, nesta terça-feira (03/6), às 9 horas, no Salão Negro da Câmara, o abaixo-assinado reivindicando redução de jornada de trabalho, sem redução de salário, de 44 horas para 40 horas semanais.
As centrais colheram mais de 1 milhão de assinaturas de trabalhadores em todo o País desde o dia 11 de fevereiro, data do lançamento oficial da campanha.
Logo depois, às 10 horas, os sindicalistas participaram da Comissão Geral (espécie de audiência pública), a ser realizada no plenário da Câmara para debater a redução da jornada de trabalho. A Comissão Geral foi organizada pelas centrais sindicais e teve a participação de sindicalistas, sociedade civil e parlamentares.

fonte: Sindec