Orgulho da raça!

A questão do preconceito é extremamente subjetiva.
Só um negro sabe exatamente o que é ser preterido em uma entrevista de emprego ou olhado de cima abaixo em determinados eventos.
Só quem é negro pode dizer e falar sobre isso.
É histórico e, infelizmente cultural.
E a tal história do "branco de alma negra!" É ridículo, mas, ainda hoje, é possível ouvir isso.
Agora, nada disso dá direito a privilégios. Sou contra o sistema de cotas que por sinal tem uma nobre sustentação - o resgate e a intenção de reparar os danos causados aos antepassados - no entanto, nos dias de hoje, não é possível privilegiarmos por isso. Acaba acontecendo, com em tudo no nosso país, o tal "jeitinho brasileiro" bagunçando tudo.
A solução:
E educação para TODOS. Sem distinção de raça, cor, credo ou opção sexual. O negro tem total condições de prestar um vestibular e conseguir índices suficientes para aprovação. Como a maioria dos negros estão na camada mais baixa da sociedade, programas de incentivo a educação devem ser estimulados para que eles tenham ACESSO. O detalhe: acesso a todos dessa camada, sem distinção de raça, cor, credo ou opção sexual.
O ruim das cotas é que, entre outras coisas, a situação de que o universitário passará 4 ou 5 anos sendo rotulado de inferior e que só está ali pelo sistema.
Sei que o proposto por mim é utópico, uma heresia mas, o dia em que a discriminação sair do nosso dicionário, este mundo ficará melhor.
Sobre o orgulho de ser negro, nada contra!
Sou de uma época em que tínhamos vergonha da nossa cor, era muito triste e repito, só quem é negro sabe o que é inferioridade.
Hoje, graça a Deus, vençemos essa barreira e timidamente estamos conquistando espaços antes inimagináveis. Tenho orgulho sim da minha raça e posso falar sem medo ou vergonha assim como qualquer um orgulha-se por se achar bonito, por exemplo.
Agora, sem coitadismso e muito menos, sem usar isso como argumento de privilégio.
Talento, inteligência e capacidade, não tem cor!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fim de Octo

O primeiro mês do ano

Ontem (2016)