Previsão!

72% dos consumidores de baixa renda devem parcelar compras de Natal
Com o aumento na oferta de crédito, os consumidores de renda mais baixa devem usar o parcelamento para facilitar o acesso aos bens de consumo, especialmente aos de maior valor. Segundo pesquisa do Provar (Programa de Administração do Varejo), da FIA (Fundação Instituto de Administração), 72,5% devem parcelar suas compras, principalmente as realizadas no Natal e no Dia das Mães.

Nesse cenário, 54,2% das pessoas estão comprometidas com mais de uma linha de crédito em andamento. Dessa forma, a principal reivindicação de 38,6% dos consumidores é a redução no valor dos juros cobrados pelo varejo.

O estudo aponta ainda que a maioria dos consumidores (60,29%) costuma ir ao supermercado nos fins de semana. Para 57,35% dos entrevistados, o sábado e domingo são dias preferidos para realizar compras de vestuário. Os shoppings centers, são visitados semanalmente por 53,4% dos entrevistados. Quando o motivo da visita aos shopping centers é a realização de compras o gasto médio apurado é de R$ 207,21.

Com pouca familiaridade com o comércio eletrônico, 89,7% dos consumidores informaram nunca terem utilizado esse canal de venda. A maioria dos consumidores (55%) considera complicado comprar pela internet.

O estudo considerou consumidores com renda média de R$ 986.
--> Parcelar compras de Natal está longe de ser a melhor alternativa mas, entendo que, em muitos casos é um mal necessário. Mesmo assim, aconselho: se puder evitar, por favor, evite!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fim de Octo

O primeiro mês do ano

Ontem (2016)